Sunday, 13 June 2010

Nada pra fazer

Já escrevi uma vez que sinto saudades de ficar “sem fazer nada”. Hoje cheguei à conclusão que nunca mais terei de volta aquela sensação de “não fazer nada” que tinha quando era adolescente, estudante e sem nenhuma preocupação na vida.

Fiquei o dia inteiro sem nada fazer, mas a sensação não chega perto da que guardo em minha memória.

Quando era nova, podia passar o dia no sofá, só vendo televisão e dormindo e a sensação era de total “esvaziamento” . Um “nada pra fazer”de verdade e absoluto.  Sabia que se ficasse sem fazer nada hoje, por exemplo, não iria acumular afazeres para o amanhã.

Acho que depois de adulta, estou sempre preocupada com alguma coisa. Tem sempre algo a ser feito e mesmo que eu fique “sem fazer nada” não sinto o mesmo “esvaziamento” de quando era adolescente.  

Será que é assim com todo mundo? Ou eu é que me preocupo demais?

5 comments:

Kelly said...

Oie, visitando o blog direto de Kuala Lumpur. Bj

Sheila said...

Same here! Eu deixava a MTV ligada e ficava hibernando no sofá. Tão bom!!
Agora eu se eu deito a Mel pula na minha barriga... e mesmo que ela durma a minha cabeça não para.
Bem mais difícil relaxar assim!

Renata Hj said...

Eu adooooro ficar sem fazer nada!!! Fala serio, melhor coisa do mundo!!! :)

Anazita said...

Esse vazio a gente só sente enquanto não temos a nossa casa,nosso marido e filhos,depois disso, o vazio é preenchido facilmente, como um passe de mágica.

Sheila said...

Oh, se continua sem nada pra fazer entra no blog de novo e vem escrever mais :)
os fãs agradecem!

Post a Comment